Geral

Editorial | Comunicação em tempos de mudança; vale a pena fazer a diferença?

Editorial | Comunicação em tempos de mudança; vale a pena fazer a diferença?

Estamos de volta!

Novamente com a proposta de sermos algo novo, diferente.

E falar em mudanças estruturais no jornalismo significa situá-lo como uma prática social, marcada por um processo de reinvenção permanente. O jornalismo é parte da sociedade, não podemos negar isso. Ele é construído a partir da participação contínua de diferentes atores sociais que interagem conforme conjunto de normas e convenções responsáveis pela coordenação desta importante atividade vinculada a essa prática.

Nesse sentindo, apresentaremos uma nova forma de comunicar. Isso por de causar estranheza em um primeiro momento. Porém, após adaptação, nosso leitor perceberá a diferença.

E isso significa ser diferenciado em tudo. Queremos ser o lado B da notícia, o lado de fora da informação.

A partir deste primeiro pressuposto, podemos discutir que o que definimos como mudança. Ou seja, uma mudança estrutural se contrapõe a um grupo de mudanças conjunturais e também a micro-inovações que normalmente afetam aspectos específicos de uma prática social.

Por exemplo, o lançamento de um novo jornal (ou velho novo… rs) – como é o nosso caso. Isso altera o modo como o jornalismo é praticado.

Portanto, continuamos com a nossa proposta de oferecer um jornalismo plural e independente, onde todos que não têm voz são ouvidos.

São tempos diferentes. O mundo mudou. Não poderia ser de outro jeito na comunicação. É a hora de se reinventar.

Contamos com vocês para nos ajudar nesta importante missão de remodelar e ser o novo jornalismo do Litoral Norte.

Um abraço e até a próxima!

Qual sua reação?

Animado
0
Feliz
0
Apaixonado
0
Incerto
0
Bobo
0

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 %